whatsapp[1] WhatsApp: (48)99993-5301 | (51)99904-6810 | Implante Capilar
WhatsApp (48)99964-1112 | Queda de Cabelo/Agendamento de consulta
Central Telefônica: (48)3333-2804 | (48)3333-2129

Como esta a sua calvície? Faça pré avaliação gratuita e confira! Clique aqui!

As mulheres também são afetadas pela perda de cabelo

A preocupação com a perda dos cabelos parece perseguir apenas os homens, mas a verdade não é bem essa. As mulheres também sofrem com isso. Estima-se que 40% da população feminina possa ter algum problema relacionado à perda dos fios em algum momento da vida.

Nelas, em muitos casos, a calvície tem relação hormonal, além do fator genético. Por isso, após a puberdade, época em que os hormônios sexuais são produzidos, os primeiros episódios de perda dos fios podem aparecer.

Quando ocorre

As fases em que elas têm mais alterações hormonais são as de maior chance de queda de cabelo. Esses períodos são o pós-parto, a amamentação e a menopausa. Outras situações como disfunção em glândulas, como ovários, tireóide e suprarrenais, podem interferir diretamente no ciclo de vida dos fios, ocasionado suas quedas difusas.

A questão da alimentação é outro vilão da perda dos fios. Dietas muito rigorosas são pobres em nutrientes e vitaminas e afetam de forma negativa o cabelo. Uma boa alimentação deve ter proteínas e sais minerais como o cobre, ferro e zinco.

Ainda na lista de inimigos do cabelo estão o estresse e o hábito de fumar, que assim como nos homens, podem agravar a perda capilar também nas mulheres.

O processo de perda dos fios

Nelas, quando trata-se de calvície (alopecia androgenética), a progressão do quadro se dá de forma diferente da masculina. Há uma perda difusa dos fios e afinamento (miniaturização folicular) principalmente na região do topo da cabeça, porém sem a presença de entradas. A linha frontal, na maioria dos casos fica preservada, embora o couro cabeludo possa ser visto pela diminuição da densidade nessa região. De acordo com a extensão da área, será determinado o grau da calvície feminina.

Quando as causas não são genéticas, a perda pode ser totalmente reversível se o agente causal for eliminado com a instituição do tratamento adequado.

Por isso, o recomendado é que ao notar qualquer mudança na saúde dos cabelos, elas procurem um médico especialista no assunto o quanto antes.

Author Info

Centro de Medicina Capilar

Centro de Medicina Capilar